[Resenha] O Melhor de Mim


Título: O Melhor de Mim
Autor: Nicholas Sparks
Páginas: 272
Editora: Arqueiro
Skoob: AQUI
Minha Classificação:

Sinopse: 
Na primavera de 1984, os estudantes Amanda Collier e Dawson Cole se apaixonaram perdidamente. Embora vivessem em mundos muito diferentes, o amor que sentiam um pelo outro parecia forte o bastante para desafiar todas as convenções de Oriental, a pequena cidade em que moravam. Nascido em uma família de criminosos, o solitário Dawson acreditava que seu sentimento por Amanda lhe daria a força necessária para fugir do destino sombrio que parecia traçado para ele. Ela, uma garota bonita e de família tradicional, que sonhava entrar para uma universidade de renome, via no namorado um porto seguro para toda a sua paixão e seu espírito livre. Infelizmente, quando o verão do último ano de escola chegou ao fim, a realidade os separou de maneira cruel e implacável. Vinte e cinco anos depois, eles estão de volta a Oriental para o velório de Tuck Hostetler, o homem que um dia abrigou Dawson, acobertou o namoro do casal e acabou se tornando o melhor amigo dos dois. Seguindo as instruções de cartas deixadas por Tuck, o casal redescobrirá sentimentos sufocados há décadas. Após tanto tempo afastados, Amanda e Dawson irão perceber que não tiveram a vida que esperavam e que nunca conseguiram esquecer o primeiro amor. Um único fim de semana juntos e talvez seus destinos mudem para sempre. Num romance envolvente, Nicholas Sparks mostra toda a sua habilidade de contador de histórias e reafirma que o amor é a força mais poderosa do Universo - e que, quando duas pessoas se amam, nem a distância nem o tempo podem separá-las. 

Resenha:

Amanda e Dawson eram um casal de adolescentes completamente apaixonado, que lutam contra suas famílias e rótulos impostos. Mas o destino não é tão bom com eles, Amanda vai para faculdade e constrói uma família com outro homem, já Dawson não consegue seguir enfrente no amor, pois ele não conseguiu se ligar das lembranças com Amanda. 25 anos depois Dawson Cole é um homem simples e de bom caráter, diferente do resto da sua família, pois eles são os mais temidos pela cidade do Oriente, e vive sozinho e Amanda Collier é de uma família tradicional, com filhos, e com um casamento não muito bom.
Eles se reencontram e todas as lembranças do passado vêm à tona, Amanda percebe que nunca esqueceu o seu grande amor, e que nenhum sentimento tinha mudado. Mas agora eles tem uma grande decisão para tomar, tentar recomeçar aquele romance, ou deixar as coisas como estão.
Quando eu penso em ficarmos juntos, não estou falando só em lua de mel. Estou falando de você e de mim, duas pessoas reais. Quero acordar de manhã com você do meu lado, quero chegar a noite e jantar com você. Quero compartilhar com você cada detalhe bobo do meu dia e ouvir cada detalhe do seu. Quero rir junto com você e dormir com você nos meus braços. Porque você não é só alguém que eu amei no passado. Você era minha melhor amiga, a melhor parte de quem eu sou, e não consigo me imaginar desistindo disso outra vez. Eu lhe dei o melhor de mim e, depois você foi embora, nada jamais voltou a ser o mesmo.
Bom, nem sei o que falar sobre esse livro, mas vou tentar não dar spoiler, rs. Não sou fã de romances, e esse foi o primeiro livro do Nicholas Sparks, mas eu realmente achei bom. Apesar de ser uma historia muuuito clichê, foi um livro ótimo. Ele mostra problemas que realmente acontecem no nosso dia-a-dia, como o marido alcoólatra da Amanda, foi um dos poucos romances que me prenderam. Quase morri no final, sim, você também irá morrer, porque é realmente surpreendente, e na minha opinião, lindo. Acho difícil mostrar pra vocês o quanto gostei desse livro, porque se eu tentasse mostrar mais acabaria contando algo e estragando a leitura de alguém, haha. Esse é um dos poucos romances (com pintada de drama) clichês que eu recomendo. Então, se você ainda não leu, leia, e se você já leu, dê a sua opinião nos comentários.

Espero que vocês tenham gostado da minha primeira resenha no blog, e se não gostaram, fale o porque não gostou que eu tentarei melhorar, então, por hoje é isso, até a próxima resenha. Bjs!




8 comentários:

  1. faz um tempo que não leio livros do Nicholas, eu to precisando comprar uns!
    acervo-de-livros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Olá!

    Bom, se esse é o primeiro romance do Sparks que você lê e gostou pode começar a ler os outros porque certamente vai gostar. Esse é um dos livros dele que menos gosto. Têm vários outros que são bem melhores rs'

    Beijo:*
    Naty.

    ResponderExcluir
  3. Oi Natalia, adorei a resenha. Parece um romance bem envolvente. Li O Casamento desse autor e gostei. Flor te enviei por e-mail meu banner, o seu já está no blog. Beijos

    http://poesiasprosasealgomais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Eu amei esse livro, as atitudes de Dawson me impressionaram. Os livros do Nick sempre arrebatam me.

    Rafa
    Blog Melody
    http://rafaacarvalho.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Ihhh Nicholas Sparks, adoro os livros dele, mas tenho uma relação de amor e ódio por esse autor.
    As vezes tenho a impressão de está lendo 'a mesma história' sabe? Recentemente li Um Porto Seguro, gostei bastante, mas como sempre acaba sendo uma história beeeeem previsível.
    Mas confesso que fiquei curiosa para ler esse, mas não vou ler por agora pois minha lista de leitura está enooorme e o Sparks pode esperar. kkkk'
    Ótima resenha, parabéns.

    Beijos!
    Lívia (:

    ResponderExcluir
  6. Lívia, eu também tenho a mesma impressão! E sempre acabo adivinhando o final das histórias, como vc disse, ele é previsível, haha. Depois de ler a resenha da DUDA, eu também fiquei curiosa pra ler esse!

    Bjkas

    ResponderExcluir
  7. Ooi gente! Então, como eu já disse algum comentário aqui, acho o Nick previsível, mas esse, motivada pela resenha da DUDA, fiquei com vontade de ler!

    Bjkas
    Obrigada pelos coments!

    ResponderExcluir
  8. Bom, se esse foi o seu primeiro livro do Nicholas Sparks, pode ter certeza que você vai gostar mais dos outros, pois para mim esse foi o romance mais fraco do autor, só o final que foi bem impactante, mas também foi previsível depois de um "certo acontecimento". Leia Um Homem de Sorte, é uma história linda, fiquei o tempo inteira grudada no livro pra saber o que ia acontecer e outro que eu recomendo também é a Última Música, ambas histórias têm o filme e tanto no livro como no filme você vai acabar chorando. E olha que eu não sou lá muito ligada a romances, gosto mais de aventura.

    http://pensandoemlivro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir